Criptomoedas: negociar ou investir?

Você sabia que o conceito de moedas digitais realmente remonta à década de 1980? Em 1983, David Chaum introduziu uma moeda digital chamada eCash, que usava algoritmos criptográficos para proteger transações e prevenir fraudes. Nunca ganhou ampla adoção, mas lançou as bases para desenvolvimentos posteriores.

À medida que mais e mais pessoas reconhecem o valor das moedas digitais, há outra questão que vem à mente – devo investir em criptomoedas ou negociá-las? Este artigo irá guiá-lo através de considerações importantes para que você tome decisões informadas.

Gere lucro em 1 minuto
Negociar agora

Diferenças entre investimento e negociação em criptomoedas

Ambas as abordagens envolvem a compra e venda de ativos digitais. Mas, como você pode imaginar, há muito mais nessa história. Nesta seção, vamos explorar as principais diferenças entre investimento e negociação em criptomoedas.

Tipo de análise

Os investidores tendem a confiar fortemente na análise fundamentalista. Isso significa observar os fatores macroeconômicos subjacentes que podem afetar o potencial de crescimento de longo prazo de uma criptomoeda – sua tecnologia, casos de uso, demanda de mercado e concorrência. Outros fatores são: a economia do token (tokonomics), histórico do desenvolvedor, integrações de software de terceiros, número de usuários e taxa de adoção do mercado.

Como investir no S&P 500

Em contraste, os traders tendem a usar a análise técnica para prever a direção futura dos preços e seu posicionamento do mercado. Você analisará dados históricos com vários indicadores técnicos e ferramentas de gráficos, como gráficos de velas, médias móveis, RSI, bandas de Bollinger, retrações de Fibonacci, MACD, e muito mais.

Prazos

“Os traders se concentram no timing do mercado, enquanto os investidores se concentram no tempo do mercado”, diz Craig Iskowitz, fundador e CEO do Ezra Group.

Prazos mais longos – gráficos diários, semanais ou até mensais – são mais úteis para investidores em criptomoedas. Como assim? Esses intervalos são melhores para demonstrar tendências de longo prazo e ajudam os investidores a evitar serem excessivamente reativos aos movimentos de preços de curto prazo. O quanto mais você planeja HODLing (manter) uma determinada criptomoeda, maior deve ser o intervalor de prazo na análise do ativo, ou seja, se posicionando em gráficos de tempo maior e evitando as volatilidades de curto prazo.

Já os traders preferem prazos mais curtos. Se eles desejam capturar movimentos rápidos de preços, gráficos de 5 ou 15 minutos são escolhas populares. Se quiserem confirmar tendências e tomar decisões de negociação mais informadas, também utilizam gráficos de 1 ou 4 horas. Quanto mais ativo você for ao negociar no mercado, menor será o prazo de negociação utilizado em gráficos.

Frequência de negociação

Os investidores em cripto tendem a manter seus ativos por períodos mais longos sem vender – portanto, uma baixa frequência de negociação. Seus objetivos de investimento podem até durar alguns anos, com muito poucas transações entre eles.

Agora, se você olhar para negociação, é tudo sobre alta frequência. Nem todo trader está procurando oportunidades de obter ganhos por meio de negociações de alta frequência. Alguns estão optando por um ritmo mais comedido – como em swing ou posição de trading. Mas, em comparação com o investimento, a diferença nos intervalos entre a abertura e o fechamento das negociações é aparente.

Custos

Os especuladores normalmente têm que pagar mais taxas de transação devido ao maior número de negociações que fazem. Eles também precisam considerar o imposto sobre ganhos de capital, que é pago em cada ativo vendido para lucro de curto prazo. Os investidores, por outro lado, estão sujeitos a menos encargos, uma vez que realizam menos transações e com menor frequência.

Perfil de risco

“Os perfis de risco de diferentes pessoas podem variar amplamente, com alguns indivíduos se sentindo confortáveis ​​em assumir riscos significativos, enquanto outros são mais avessos ao risco,”

– Autoridade Regulatória da Indústria Financeira.
7 dicas de ouro para diversificar seu portfólio

Os investidores em criptomoedas são conhecidos por uma menor tolerância ao risco, pelo menos quando você os compara aos traders. Isso está de acordo com a tendência mais ampla do investimento tradicional. O foco de um investidor é obter retornos constantes e consistentes ao longo do tempo.

Já os traders de criptomoedas são melhor descritos como tolerantes ao risco. Eles buscam ganhos de curto prazo e estão dispostos a assumir riscos mais significativos em busca desses retornos. É também por isso que eles estão mais focados em movimentos de preços de curto prazo.

O que pode dar errado

No caso do trading, um dos principais riscos é a volatilidade do mercado. As criptomoedas são conhecidas por suas flutuações de preço rápidas e consideráveis. Portanto, muitas vezes se transforma em um empreendimento de alto risco. Se você não tiver uma compreensão completa da dinâmica do mercado ou empregar um gerenciamento de risco adequado, poderá perder dinheiro rapidamente negociando neste mercado.

Quanto ao investimento em criptomoedas, você precisa considerar a falta de regulamentação, supervisão e clareza regulatória do setor. Isso pode criar um ambiente propício ao surgimento de atividades fraudulentas e golpes. Como investidor, você corre o risco de perder todo o seu investimento. Lembre-se de que ainda há muita incerteza em torno de sua viabilidade e valor a longo prazo.

Tanto a negociação quanto o investimento também acarretam o risco de ataques cibernéticos e hacks. As medidas e técnicas de segurança cibernética adequadas geralmente funcionam, mas não garantem proteção completa.

Vale a pena investir em cripto?

Como mencionado, não está claro como o mercado de criptomoedas funcionará a longo prazo. Enquanto alguns investidores obtiveram grandes lucros ao investir em criptomoedas no passado, outros perderam grandes quantias de dinheiro.

Comece com 50 BRL, obtenha até $1000
Negociar agora

Na verdade, esse é o tema abrangente do investimento – uma moeda com dois lados quando se trata de riscos e recompensas. Apenas nas criptomoedas, a diferença nos resultados é palpável. As criptomoedas podem ser mais voláteis e arriscadas do que os ativos tradicionais, como ações e títulos. Ao mesmo tempo, eles também oferecem potencial para retornos mais elevados.

As criptomoedas são bons ativos de longo prazo? Bem, para aqueles que acreditam no potencial de longo prazo da tecnologia blockchain e das criptomoedas, a resposta é sim. As criptomoedas têm o potencial de fornecer maior liberdade financeira para indivíduos em todo o mundo. E se você também concorda com essa ideia, investir nelas pode ajudá-lo a alcançar seus objetivos financeiros pessoais. Apenas fique atento aos riscos.

Como começar a negociar com $200 com risco mínimo
Não deixe que um pequeno orçamento o impeça de negociar! Aprenda como começar a negociar com $ 100 ou $ 200 e aproveite ao máximo esse dinheiro!

Você é um investidor ou especulador?

Leis de mercado: lucros e riscos

Pense na sua mentalidade e perfil. Se você é um investidor, sua mentalidade está focada no crescimento de longo prazo e na acumulação de riqueza sem pressa. Você é paciente e disciplinado, mostrando a disposição de esperar que seus investimentos valorizem com o tempo.

Nesse caso, você também está menos preocupado com as flutuações de preço de curto prazo e mais interessado nos fundamentos técnicos de uma determinada criptomoeda. Por fim, você se concentra em encontrar criptomoedas de qualidade com forte potencial de crescimento.

Se você é um trader, está mais preocupado com os movimentos de preços de curto prazo. Você provavelmente é mais ativo e oportunista e se sente bastante à vontade com análises técnicas (gráficos, indicadores e algoritmos).

É provável que você tenha uma maior tolerância ao risco e esteja mais confortável com a volatilidade e as incertezas do mercado.

Combinando as duas abordagens

Você ainda precisa escolher entre negociar ou investir em criptomoedas? Na verdade não.

Não há ninguém que o impeça de combinar as duas abordagens. Isso significa investir em criptomoedas para crescimento de longo prazo e, ao mesmo tempo, negociar para aproveitar as tendências do mercado de curto prazo. Essa combinação pode trazer vantagens adicionais, como diversificar seu portfólio de criptomoedas, reduzir riscos e potencialmente aumentar o seu patrimônio.

Para implementar essa estratégia de forma eficaz, você precisará fazer sua pesquisa sobre a dinâmica e as tendências do mercado de criptomoedas – várias criptomoedas, seus possíveis casos de uso e sua capitalização de mercado. Você descobrirá que algumas criptos serão melhores investimentos e outras como ativos de trading especulativos.

Fontes: 

Trading vs. investing: which is better for you? Business Insider

Day trading vs. long-term cryptocurrency hodling: benefits and drawbacks, Cointelegraph

Risk and return, WallStreetMojo

Is cryptocurrency really an investment for the long term? The Motley Fool

Negociação com até 90% de lucro
Experimentar agora
<span>Like</span>
Compartilhar
Copiar link
Link copiado
Go
Clique em Girar e deixe a roda escolher seu artigo do dia!
ARTIGOS RELACIONADOS
8 min
Onde investir $100, $500 e $1.000?
6 min
O que são futuros: um guia do investidor
5 min
Como investir dinheiro online
5 min
Taxas de corretagem
6 min
O que são ativos  tangíveis e intangíveis?
4 min
6 fatores que determinam o movimento das criptomoedas em 2023

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir