Por que dois traders podem ler o mesmo gráfico de forma diferente

Você se lembra das discussões acaloradas sobre Laurel ou Yanny? Esse pequeno clipe de áudio foi um dos assuntos que mais dividiu a opinião popular, a par da controvérsia do vestido “azul ou dourado” alguns anos antes. “O segredo é a frequência”, disse Lars Riecke, professor assistente de audição e neurociência cognitiva.

Nesse caso, havia uma resposta correta. A gravação original foi tirada do vocabulário.com e dizia “Laurel”.

Como ter a mente sempre aberta enquanto trader

Mas em outros casos, a resposta não é tão clara. Um desses casos é a diferença nas leituras e interpretações de gráficos por diferentes traders. Vamos analisar cinco principais razões pelas quais isso acontece.

1. Diferenças nas configurações (tipos de gráficos, cores, prazos, níveis-chave)

À medida que você altera a aparência do seu gráfico, poderá ver dados diferentes e tirar conclusões diferentes deles.

Por exemplo, você pode alterar o tipo de gráfico (candlestick, linha, barra, volume, intervalo, etc.), (branco, cinza e preto), prazos (1M, 5M, 15M, 30M, 1H, 4H, 1D, e 1W). Você pode definir vários níveis de suporte e resistência e pontos de pivô. As configurações do seu gráfico sempre serão diferentes das de outra pessoa – de certa forma, você sempre estará olhando para um gráfico ligeiramente diferente.

2. Gráficos com indicadores vs. gráficos limpos

Os indicadores também mudarão a aparência do seu gráfico. Alguns traders gostam de adicionar tantos indicadores de análise técnica que começam a parecer uma obra de arte abstrata moderna. Outros traders preferem uma visão limpa da ação do preço. Inevitavelmente, isso leva a uma perspectiva diferente no mesmo mercado.

Considere adicionar apenas um ou dois indicadores do mesmo tipo por vez – tendência, reversão média, força relativa, volume e momento.

3. Seguidores de tendências versus contra-tendência, traders técnicos versus fundamentalistas

A mentalidade dos traders de sucesso

As pessoas seguem diferentes abordagens de negociação. Por exemplo, o trader A pode olhar para um gráfico subindo e, como é um do contra nato, quer negociar no sentido oposto no momento do short, no curto-prazo. Então, eles querem shortar ou vender à descoberto na força. O trader B pode ver esse mesmo gráfico e pensar que tudo está indo bem.

As diferenças nas análises técnicas e fundamentais também afetarão a forma como você visualiza um gráfico. Se você é um trader fundamentalista, talvez nem dê importância ao que vê no gráfico.

11 citações que podem mudar sua negociação
Confira estas poderosas pepitas de sabedoria de traders, economistas e empresários famosos.
Ler mais

4. O efeito dos vieses de negociação nas leituras do gráfico

A maioria das pessoas aborda a negociação com viés inerente, quer percebam ou não. Por exemplo, você pode erroneamente acreditar que um determinado evento é menos ou mais provável de ocorrer devido a eventos passados. Assim, você pode acreditar que uma ação ganhará valor após uma série de pregões com movimento negativo.

Dois traders podem ter vieses diferentes, o que distorcerá seu julgamento, a menos que os deixem de lado.

5. Fatores externos (layout do espaço de trabalho, velocidade da Internet, etc.)

Não há dois traders exatamente iguais, e haverá muitos fatores afetando seu dia de negociação – desde o layout de seus escritórios domésticos e a velocidade da Internet até o país em que vivem e as fontes de notícias que consomem. Os traders também terão experiências de vida diferentes, formações profissionais e educacionais, capital de negociação disponível e níveis de aversão ao risco – a lista pode continuar.

Acontece que a verdadeira objetividade é difícil de encontrar na negociação.

Quem está certo?

Estes 5 maus hábitos vão impedir você de se tornar um trader de sucesso

Existem milhões de razões pelas quais duas pessoas diferentes interpretam um gráfico de uma maneira e de outra. Às vezes, uma pessoa está completamente errada. Talvez eles não estejam focados o suficiente, talvez eles não tenham a habilidade de entender as nuances da ação do preço, ou talvez seja outra coisa.

No entanto, você não pode descartar a possibilidade de que ambos os traders possam estar errados… ou que ambos possam estar certos. Isso não significa cuja interpretação foi “mais correta”. O que importa é como eles aplicaram esse conhecimento na negociação.

Não tente ser o trader mais preciso. Aspire ser aquele que pode se adaptar às condições de mercado, mesmo quando o gráfico foi interpretado incorretamente.

Curtir
Compartilhar
Copiar link
Link copiado
Go
Clique em Girar e deixe a roda escolher seu artigo do dia!
ARTIGOS RELACIONADOS
4 min
7 hábitos comportamentais que você deve dominar em seu primeiro ano de negociação
5 min
Perdas: drama, adrenalina ou fonte de aprendizado?
4 min
As 5 emoções mais comuns na negociação
3 min
Preconceitos sobre a negociação dos quais você precisa se livrar antes de começar
4 min
Como lidar com o medo de falhar
4 min
6 perguntas que o impedirão de cometer erros de negociação

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir