O que é blockchain?

Satoshi Nakamoto, quem inventou a blockchain, nunca poderia imaginar isso, mas a blockchain pode atuar como uma defesa real contra o violento assédio #MeToo que já destruiu muitas vidas apenas com base em uma declaração sobre assédio. A versão beta do aplicativo de namoro LegalFling oferece aos parceiros em potencial a conclusão de um contrato inteligente irrevogável antes do sexo, que permaneceria no ecossistema blockchain para sempre. Depois de assinado por ambas as partes, nenhuma delas poderá ir a tribunal, e todo o procedimento leva apenas alguns segundos.

Blockchain – o futuro já está aqui

Por que o Bitcoin apareceu em 2009, mas só decolou em 2017

O que é a tecnologia blockchain? Inicialmente, as pessoas começaram a falar sobre bitcoin e blockchain simultaneamente. Foi comparado a um entroncamento para o novo dinheiro digital tão misterioso. Os criadores do Bitcoin colocam a culpa pelos problemas da economia em intermediários, banqueiros, terceiros “confiáveis” que não podem realmente ser confiáveis. Blockchain e criptomoedas deveriam resolver todos esses problemas. 8 anos após a criação do primeiro ecossistema digital, essa tecnologia passou a ser utilizada para mais do que transferência de fundos. A definição da tecnologia Blockchain incorpora tanto um sistema de criptografia quanto a base da economia do futuro.

Qual é o conceito de blockchain?

Como funciona a blockchain? Blockchain é uma sequência contínua de blocos de informação construídos de acordo com certas regras. Após receber qualquer informação, a rede a registra em segmentos ou blocos imutáveis. Cópias de cadeias de blocos são armazenadas em muitos computadores diferentes e independentes. Os membros da rede são ambos seus recursos e validadores e, desde que pelo menos um dos servidores esteja ativo, o sistema pode existir. Essa cadeia digital é chamada de tecnologia de contabilidade distribuída. Moedas digitais ou criptomoedas são apenas um derivado lateral do processo de manutenção de todo um ecossistema de blocos.

Todos os ecossistemas blockchain são completamente autônomos, embora soluções de multi blockchains já estejam em desenvolvimento. Além de restringir direitos, os desenvolvedores também oferecem soluções em vários níveis. Assim, milhões de ecossistemas infinitamente escaláveis ​​com suas próprias regras e funções podem existir simultaneamente.

Cada bloco subsequente é conectado ao anterior por meio de seu conteúdo – um conjunto de registros.

Esperança ou hype: o metaverso aumentaria o custo de vida?

Os blocos finalizados armazenam todas as informações da cadeia, começando com o primeiro bloco, e novos blocos são adicionados no final. Assim, o blockchain cresce gradualmente como uma bola de neve, e é impossível voltar ao início e corrigir quaisquer dados iniciais. Todos os blocos estão em estrita ordem cronológica e são interligados por uma assinatura criptográfica, funcionando como um complexo algoritmo matemático. Qualquer alteração no sistema é acompanhada por uma assinatura criptográfica, ou seja, após a transação ser concluída e registrada na cadeia, todos os nós da rede sabem dela. Ao mesmo tempo, o processo de alteração de um único pixel é controlado por muitos computadores.

Então, como o blockchain suporta a privacidade de dados? As operações dentro da rede são registradas e processadas de forma autônoma, sem envolver serviços de terceiros. A tecnologia de registro distribuído presume que o estado atual do blockchain em um determinado momento é baixado, sincronizado e fornecido por centenas de milhares de computadores em todo o mundo, ou nós. Quando um novo bloco aparece na rede, todos os nós atualizam seu blockchain. Os nós armazenam a versão completa e atualizada do blockchain, e o restante dos computadores recorre a eles se precisar verificar algum dado.

Apenas dados verificados entram no blockchain. As informações verificadas e válidas são gravadas no bloco e permanecem na blockchain para sempre, e qualquer pessoa pode verificar sua autenticidade. Nesse caso, a transação será considerada válida se for confirmada por vários nós independentes.

7 mitos na negociação que você provavelmente acha que são verdadeiros
É hora de quebrar mitos sobre o trading! Alguns deles estão tão próximos da verdade que você nunca imaginaria que são apenas equívocos populares.
Ler mais

Usos práticos da tecnologia blockchain

Blockchain e criptomoedas são conceitos inseparáveis. Mas o primeiro não diz respeito apenas às moedas digitais – ele pode ser usado em quaisquer blocos e registros de informações interconectados. Os potenciais usos da tecnologia blockchain são infinitos. Blockchain permite automatizar o processo de registro inalterável de dados e confirmação de eventos usando o princípio distribuído de armazenamento de informações.

Go
Clique em Girar e deixe a roda escolher seu artigo do dia!
Os 10 gadgets mais inúteis

Os dados gravados no bloco são divididos em chaves e enviados a todos os servidores que suportam um determinado ecossistema. Nenhum hacker poderá alterá-los – a rede não confirmará as alterações. Como o registro distribuído das cadeias de blocos de informações é armazenado em diferentes computadores, qualquer usuário com acesso a ele pode verificar a disponibilidade e integridade desses dados. A falsificação é impossível.

A introdução em massa do blockchain permite se livrar dos intermediários nas transações: você não precisa mais de um tabelião para vender um apartamento ou um agente para verificar os dados – o blockchain salvará todas essas informações e, após a conclusão da transação, entrará os novos dados de propriedade no registro.

Agora temos uma ideia de como a blockchain funciona e é hora de descobrir quais são seus usos. Ela já mostrou sua relevância prática em várias áreas. Aqui estão alguns de seus benefícios no mundo real:

  • Redução de custos de transação – não há necessidade de envolver intermediários ou fiadores, sejam cartórios, advogados ou mesmo um simples banco de dados de armazenamento de dados, todas as informações irão fixar para sempre o bloco correspondente no ecossistema.
Inteligência Artificial diminui engarrafamentos na Malásia
  • Redução do tempo das transações. Até o bitcoin teve problemas de desempenho, ou seja, de permeabilidade da rede, mas foi ele quem possibilitou a eliminação desse problema. A Segwit, como prática de separação de cadeias e formação de um segundo nível de tokens para empresas ou operações específicas, já são práticas bem estabelecidas para solucionar problemas com escalabilidade pelo país. Dependendo da carga da rede, sem a participação do operador, a transferência ou gravação será processada em alguns minutos ou instantaneamente.
  • Livrar-se de itens de despesas desnecessárias – o acesso à blockchain não requer recursos e conhecimentos especiais. Os operadores que trabalham na rede criam soluções prontas que, com base em uma interface visual, realizarão todas as operações automaticamente.

Qual é a principal vantagem de uma blockchain? É a garantia de irrevogabilidade. Mesmo em uma estrutura bancária, você pode efetuar um pagamento e, ao desfazer a transação, enganar a contraparte. Isso seria impossível no blockchain, e se uma transferência acontecer junto com uma transação de balcão (ou seja, ao trocar moeda ou assinar direitos autorais), o sistema realizará a operação, preservando-a para sempre no histórico.

A tecnologia de “smart contracts” ou “contratos inteligentes” tem um grande potencial e suas perspectivas de aplicação de negócios são extensas. Blockchain permite salvar não apenas registros de transações e transferências de fundos, mas geralmente qualquer informação que possa ser gravada em formato digital, incluindo código de computador executável. Pode ser escrito de tal forma que seja lançado quando as chaves criptográficas forem inseridas por duas contrapartes que decidiram previamente cooperar em determinadas condições.

O que é Blockchain, e como funciona

A história do blockchain é bastante curta, de fato, a maioria considera a tecnologia blockchain o futuro que já chegou. É usado ativamente pelo setor bancário para armazenar registros de transações e ao realizar transações de câmbio. Em 2020, as companhias aéreas começaram a usar ativamente essa tecnologia – ao solicitar passagens, os usuários podem reservar instantaneamente seus assentos em um registro distribuído. 

Administrações, agências de aplicação da lei, comitês eleitorais – você escolhe, e há uma necessidade da transparência que a tecnologia blockchain pode oferecer.Blockchain e criptomoedas são a combinação mais conhecida: criptomoedas e tokens, que substituem o dinheiro fiduciário, já são reconhecidos como moeda legal em muitos países.

Compartilhar
Copiar link
Link copiado
ARTIGOS RELACIONADOS
7 min
O que é Bitcoin (BTC)?
5 min
O que é o Metaverso e como ele pode impactar o mundo
4 min
Os 5 melhores jogos de VAR para traders
4 min
5 ferramentas tecnológicas alternativas que aumentarão suas habilidades de negociação
5 min
Internet das coisas – uma ameaça ou uma benção?
5 min
O que irá acontecer quando todos os bitcoins forem minerados?

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir