As 5 principais estratégias de trading de curto prazo que os profissionais usam

As estratégias de trading variam dependendo do período das negociações. Existem abordagens de curto prazo que permitem negociar dentro de um período de um dia a várias semanas, técnicas de médio prazo usadas para negociar de várias semanas a meses e abordagens de longo prazo que implicam manter negociações por pelo menos um ano. Todas essas estratégias têm critérios diferentes. 

Ao aplicar uma estratégia de negociação, lembre-se de que ela deve ser personalizada de acordo com seus dados subjetivos. Qualquer estratégia de trading é um conjunto de regras gerais, mas as condições do mercado mudam com frequência. Segundo dados de Robert Shiller, o mercado raramente está na média. Por exemplo, embora um estudo tenha mostrado que o S&P 500 cresceu 6,9% ao ano (após a inflação e incluindo dividendos) de 1871 a 2019, apenas em 28 anos o índice mostrou um retorno de 0-10%. Houve ganhos de dois dígitos em 74 anos e declínios de dois dígitos em 23 anos.

Vamos considerar as melhores abordagens de trading de curto prazo.

1. Scalping 

Você não deve se surpreender que a lista comece com essa estratégia de trading. Scalping pode ser chamado de rei das abordagens de trading de curto prazo. A ideia é bem simples: você precisa abrir muitas pequenas operações em um dia de trading para coletar as recompensas no final do dia.

Como o scalping significa trade rápida, os scalpers definem posições de compra e venda em níveis predeterminados e seguem certas etapas. Normalmente, várias operações são feitas em alguns segundos. Essa abordagem é baseada principalmente em ferramentas técnicas, incluindo padrões e indicadores gráficos.

Os scalpers devem passar muito tempo na frente de um monitor, pois as trades são pequenas. É vital captar sinais de direção do preço para fechar uma negociação com perdas mínimas.

Tenha em mente que posições pequenas não garantem riscos reduzidos. Scalping não contém taxas durante a noite que podem ocorrer se você realizar trades diárias. No entanto, um trader que performa várias operações em um dia, tem que lidar com taxas para cada uma delas. As perdas podem até superar os ganhos.

Scalping pode ser uma estratégia complicada para traders iniciantes, pois requer ações rápidas. No entanto, se você tiver experiência e se sentir confiante, o escalpelamento pode ser uma boa abordagem.

2. Day Trading 

O “Day Trading” (ou negociação intradiária) é outra maneira de abrir posições de curto prazo. Essa abordagem funciona para qualquer ativo em qualquer período. Ao contrário do scalping, o day trading é uma estratégia mais fácil que pode ser usada até mesmo por iniciantes.

O nome da estratégia explica sua ideia – abrir e fechar trades antes do fechamento do mercado. Assim, um day trader não fica exposto a possíveis taxas durante a noite. As negociações geralmente são abertas em prazos de 15 minutos a 4 horas. Embora o nome da estratégia inclua “dia”, um gráfico diário é usado apenas para verificar alguns pontos técnicos, incluindo tendências de mercado de longo prazo. O gráfico de 1 hora é amplamente utilizado pelos traders para analisar as flutuações do mercado e decidir sobre os pontos de entrada e saída.

A abordagem do day trading é mais lenta do que o scalping. Os traders não devem abrir vários negócios em um dia. É até possível abrir apenas 1-2 posições se você operar em prazos mais altos, incluindo 1 a 4 horas. Assim, um trader tem mais tempo para tomar decisões. Além disso, o day trading reduz o nível de risco em comparação com o scalping.

3. Swing Trading

Embora seja aplicado a negociações realizadas de vários dias a várias semanas, o swing trading também pode ser chamado de abordagem de curto prazo.

Swing trading pode incluir fatores fundamentais, pois as negociações estão em vigor por pelo menos vários dias. No entanto, os principais sinais para esta estratégia são recebidos de indicadores e padrões gráficos.

As oscilações ocorrem quando o preço muda de direção. Uma mudança na direção é determinada principalmente pelos padrões do gráfico, bem como pelos níveis de suporte e resistência. A ideia é prever os próximos movimentos de preços e manter a posição aberta até que o padrão pare de funcionar.

4. Pullback Trading (Retração)

Uma estratégia de pullback (retração) é outra abordagem para negociação em um período de curto prazo. Um trader deve determinar uma tendência sólida no gráfico de preços e esperar que o preço se mova na direção oposta à tendência atual. Por exemplo, se houver uma tendência de alta, espera-se a que preço recue a partir da resistência e desça. No entanto, não se espera que essa queda seja de longo prazo, pois a tendência geral é de alta. Assim, um trader espera reversão do preço no nível de suporte para entrar em uma posição longa.

Como trading é baseado em tendências, as ferramentas técnicas são uma parte vital da estratégia. Para ter certeza de que o pullback é confiável, é recomendável esperar pelo menos dois máximos consecutivos na tendência de alta antes de um recuo – e dois mínimos se for uma tendência de baixa.

5. Money Flow Index (Índice do Fluxo de Dinheiro)

Outra estratégia que pode ser usada por traders que operam por um período limitado é a estratégia baseada no índice do fluxo de dinheiro (MFI). Este é um indicador que é usado principalmente para determinar o volume de preços. Também pode refletir condições de sobrecompra e sobrevenda. Quando o ativo está sobrecomprado (o indicador está acima do nível 80), um trader pode esperar um declínio de preço à frente. Uma posição curta deve ser aberta assim que o indicador cair abaixo desse nível. Vice-versa, se o ativo estiver sobrevendido (o indicador estiver abaixo do nível 20), o preço poderá retornar para cima em breve.

Resumindo

Não importa qual estratégia você aplique. Você deve sempre lembrar que não existe uma estratégia perfeita que garanta qualquer retorno. Em primeiro lugar, cada estratégia deve ser personalizada de acordo com seus fundos, os riscos que você pode assumir, sua experiência e o tempo que você está pronto para gastar na trading. Em segundo lugar, as condições do mercado mudam constantemente. Assim, é impossível determinar passos precisos que funcionariam em qualquer ambiente de mercado.

Pronto para avançar? Transforme os novos conhecimentos deste artigo em progresso da sua negociação
Acessar a Binomo

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
5 min
O que é uma estratégia?
5 min
A estratégia de trading "night channel"
4 min
O guia do iniciante para negociação de tendências
6 min
Estratégias de gerenciamento de risco para day trading
3 min
Estratégia de Fading trading: guia completo
4 min
Estratégia de negociação baseada em notícias: transformando informação em habilidades de Trading