Os 5 melhores indicatores que todo iniciante deveria usar

Os traders têm inúmeros indicadores técnicos para escolher — desde as médias móveis simples amplamente populares até os menos conhecidos indicadores McGinley Dynamic e DeMarker. Não importa quantos indicadores existam, algumas pessoas ainda estão tentando encontrar maneiras novas e inventivas de abordar a análise técnica.

Por exemplo, Cormac O’Connor, da Universidade Tecnológica de Dublin, levantou a hipótese de que as Estatísticas de Tráfego de Artigos do Wiki poderiam verificar os sinais de negociação do indicador técnico Coppock. Você poderia imaginar que a maneira como você navega na Wikipedia poderia afetar o mercado de ações?

Como iniciante, você não precisa dificultar sua vida com estratégias avançadas e complicadas. Por enquanto, é importante dominar o essencial e construir seu caminho.

Aqui estão 5 indicadores que você definitivamente precisa em seu kit de ferramentas de negociação.

1. O Índice de Força Relativa (RSI)

O RSI é um indicador de momento que mede a magnitude e a velocidade das recentes mudanças de preço de um ativo. Ele fornece sinais de convergência/divergência, assim como o MACD e os osciladores Estocásticos e Awesome. O sinal (alta ou baixa) ocorre quando o indicador faz uma nova alta/baixa enquanto o preço do ativo não. Isso pode significar uma futura reversão de tendência.

O RSI fornece aos traders sinais de alerta para movimentos de preços alarmantes, especificamente sinais para zonas de sobrecompra ou sobrevenda (o valor do indicador expresso como um número entre 0 e 100):

  • Um sinal de sobrecompra (ou supervalorização) — 70 ou mais — significa que o ativo está sendo negociado a preços injustificadamente altos e pode estar se preparando para uma reversão de tendência ou um recuo corretivo. 
  • Um sinal de sobrevenda (ou subvalorização) —- 30 ou inferior — significa que o ativo está sendo negociado abaixo de seu valor justo e pode entrar em uma alta.

2. Estocástico

O oscilador Estocástico mede o momento e a força da tendência, semelhante ao RSI. A principal diferença entre eles é que o RSI produz sinais mais confiáveis ​​em mercados de tendências, enquanto o Estocástico é mais adequado para condições de mercado planas ou agitadas.

O Estocástico usa uma escala de 0 a 100, onde leituras abaixo de 20 indicam condições de sobrevenda e acima de 80 — condições de sobrecompra. Quando as duas linhas que compõem o indicador (%K e %D) se cruzam em uma região de sobrecompra ou sobrevenda, pode gerar sinais de venda ou compra.

3. Divergência/Convergência da Média Móvel (MACD)

O MACD compara duas médias móveis para detectar mudanças no momento e identificar oportunidades no início de uma tendência de alta ou de baixa. “Convergência” significa que as duas médias estão se aproximando e o momento está diminuindo, e “divergência” significa que elas estão se afastando uma da outra e as mudanças de preço estão ganhando força.

Os sinais de negociação são acionados quando o MACD cruza acima ou abaixo de sua linha de sinal — um sinal de compra e um sinal de venda, respectivamente.

O MACD aciona sinais técnicos quando cruza acima (para comprar) ou abaixo (para vender) sua linha de sinal.

4. Bandas de Bollinger 

As Bandas de Bollinger são um indicador de volatilidade. Ele mede a alta ou baixa relativa do preço de um ativo e ajuda os traders a encontrar pontos de entrada e saída potencialmente favoráveis.

O indicador consiste em 3 linhas e fornece os seguintes sinais:

  • Se o preço estiver na linha inferior, é provável que suba em breve.
  • Se o preço estiver próximo da linha superior, é provável que caia em breve.
  • A linha do meio (média móvel simples) confirma a tendência atual. Quando o preço se recupera, o impulso desaparece.

5. Oscilador Awesome (AO)

O Oscilador Awesome, baseado em uma combinação de médias móveis, foi projetado para confirmar tendências e antecipar reversões. Ao contrário da maioria dos osciladores, que oscilam entre valores definidos como 0-100, o Oscilador Awesome não tem limites.

O indicador usa uma linha zero no centro. E quando cruza acima dele, sinaliza impulso de alta e vice-versa.

Conclusão

Você não precisa escolher apenas um indicador da lista acima. Na verdade, existe uma regra tácita de usar indicadores técnicos — nunca use-os isoladamente. Escolha indicadores complementares e só aja quando receber sinais de confirmação. Com o tempo, você aprenderá quais indicadores funcionam melhor em combinação, então continue tentando!

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
4 min
Como usar o indicador de índice de volume negativo (NVI)
5 min
Flat Trading: oscilação
5 min
Como escolher indicadores técnicos para day trading
6 min
Como identificar o fim de uma tendência
5 min
Como usar médias móveis para comprar ações
4 min
Os 3 melhores indicadores para utilização em day trading