O mundo dos ETFs: um guia para iniciantes

Uma das partes mais intrigantes do progresso contínuo da criptomoeda é quão bem ela pode se conectar com canais de investimento mais tradicionais para fornecer oportunidades novas, mais seguras e lucrativas.

Uma ilustração perfeita disso é como os investidores em criptomoedas estão tentando alavancar a expansão dos fundos negociados em bolsa (ETFs) comprando um ETF Bitcoin que rastreia o BTC. Além da criptomoeda, os ETFs podem fornecer despesas operacionais mais baratas, mais flexibilidade, maior transparência e maior eficiência fiscal em contas tributáveis ​​do que os fundos abertos tradicionais.

Os ETFs são uma das oportunidades do mercado moderno. No início de 2020, o mercado negociou cerca de US$ 100 bilhões todos os dias com um spread médio ponderado de apenas 1,7 centavos ou 2,1 pontos base (bps). No geral, os ETFs acompanham de perto seu valor patrimonial líquido (NAV), fornecendo aos investidores e traders acesso de baixo custo a exposições temáticas e cestas diversificadas.

Os ETFs, ou fundos negociados em bolsa, no início do ano, tiveram um aniversário marcante: foi há 29 anos quando o maior ETF do mundo estreou em Wall Street como o primeiro investimento desse tipo listado nos EUA.

Os ETFs cresceram em popularidade e tamanho durante o último quarto de século. A quantidade total de fundos investidos em ETFs baseados nos EUA cresceu 34% há quatro anos, atingindo um recorde de US$ 3,4 trilhões até o final do ano.

Mas antes de nos aprofundarmos, vamos nos familiarizar com vários termos e conceitos em torno dos ETFs, que, claro, começariam com o significado de ETF.

O que são ETFs?

Um fundo negociado em bolsa (ETF) é uma coleção de investimentos que geralmente estão vinculados ao desempenho de um índice subjacente. Também é trocado como uma ação na bolsa para que você possa comprá-la e vendê-la.

Por exemplo, você pode comprar um ETF que acompanha o S&P 500, um índice do mercado de ações que contém uma grande parte do valor total do mercado e é amplamente utilizado como referência. (Ele monitora as ações de 500 das maiores corporações do mundo.) Você também pode investir em ETFs de setores específicos, que detêm ações de empresas de setores específicos, como comunicações, serviços públicos e assistência médica.

O que é um ETF bitcoin? 

Você pode estar se perguntando como os ETFs estão conectados ao Bitcoin. Bem, um ETF Bitcoin permite que os investidores especulem sobre o preço da criptomoeda mais popular do mundo sem ter que comprá-la. Isso significa que os usuários não terão que aprender os meandros da compra e negociação de Bitcoin real, o que envolve vários processos rigorosos de segurança e armazenamento.

ETF x fundos mútuos

Um ETF, ao contrário de um fundo mútuo, é negociado em uma bolsa (daí o nome). Isso significa que você pode comprar ações a qualquer momento durante o dia de negociação, a qualquer preço no momento da compra. As cotas de fundos mútuos, por outro lado, só podem ser adquiridas ao preço do valor patrimonial líquido no final do dia de negociação.

ETFs de commodities?

Um fundo negociado em bolsa (ETF) que investe em commodities reais, como metais preciosos, bens agrícolas e recursos naturais, é conhecido como ETF de commodities. Um ETF que investe em contratos futuros de commodities ou uma commodity específica mantida em armazenamento físico é conhecido como ETF de commodities.

Um ETF de ouro é um exemplo de um ETF de commodities. O ETF de ouro detém apenas ouro como seu principal ativo. Os fundos negociados em bolsa são semelhantes às ações individuais, pois são negociados em uma bolsa de valores.

O fundo, por outro lado, possui contratos de derivativos de ouro lastreados em ouro. Como resultado, se você investir em um ETF de ouro, na verdade você não possuirá ouro.

Agora que tiramos esses termos e definições do caminho, vamos ver brevemente como o ETF funciona e os riscos e benefícios.

Como comprar e vender ETFs

As ações podem ser compradas usando qualquer conta de investimento, assim como ações individuais. Você pode especificar o número de ações que deseja comprar, a quantidade de dinheiro que deseja investir em um momento específico ou o preço atual da ação.

Benefícios do ETF 

As vantagens mais proeminentes dos ETFs são:

  • Flexibilidade de negociação
  • Gerenciamento de risco
  • Benefícios fiscais
  • Baixos custos
  • Diversificação do Portfólio 

Conclusão

Embora os ETFs ainda sejam relativamente novos no mundo dos investimentos, as vantagens que eles oferecem em relação a muitos investimentos em fundos não devem ser negligenciadas.

Por fim, lembre-se de que os ETFs acompanham o mercado como um todo, portanto, estão sujeitos à mesma volatilidade.

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
4 min
Como escolher a melhor corretora on-line
3 min
Como ganhar nas bolsas de valores
4 min
Como escrever um plano financeiro
5 min
Qual a diferença entre day trading e swing trading?
3 min
Encontre o seu nicho: o que e quando negociar
5 min
Como negociar em mercado de ações