As características da economia indiana: uma breve visão geral

A Índia é uma economia diversificada e em rápido crescimento. Vários fatores contribuem para seu sucesso econômico, incluindo uma grande população, uma força de trabalho jovem e recursos naturais abundantes. O vasto tamanho e variedade do país também oferecem oportunidades significativas para as empresas expandirem e investirem. Algumas décadas atrás, a Índia era principalmente uma economia agrária. O setor de serviços teve uma contribuição mínima para o PIB indiano. Atualmente, o setor de serviços é o que mais contribui para a economia indiana, representando mais de 50% do PIB. Este artigo discute brevemente as características da economia indiana.

História do desenvolvimento econômico na Índia 

Depois que a Índia conquistou a independência em 1947, o governo se concentrou em uma economia centralmente planejada. O governo colocou grande ênfase no desenvolvimento de indústrias pesadas. Além disso, o governo costumava regular fortemente as atividades econômicas.

Após 1991, a Índia passou por uma fase de liberalização econômica. O governo incentivou o crescimento do setor privado. Atualmente, a Índia passou em grande parte para uma economia mista. Os setores privado e público coexistem e competem entre si.

Atualmente, o governo está tentando tornar a Índia um destino mais atraente para o investimento estrangeiro. Para isso, eles implementaram várias reformas, tornando mais fácil iniciar e fazer negócios na Índia, melhorar a infraestrutura e aumentar o acesso ao capital.

A condição econômica da Índia em 2022

A economia indiana é a sexta maior economia do mundo em PIB e a terceira em paridade de poder de compra. A Índia tornou-se uma das principais economias de crescimento mais rápido do mundo, com uma taxa de crescimento anual acima de 7% nas últimas três décadas. No entanto, apesar desse forte crescimento, a renda per capita da Índia permanece baixa, em apenas US$ 1.962 em 2021.

Quais são as características da economia indiana?

O domínio do setor de serviços na Índia

O setor de serviços é o maior setor da economia indiana. Representa cerca de 50% do PIB. O setor de serviços é caracterizado pela alta produtividade do trabalho. Atualmente, os serviços financeiros e a tecnologia da informação são algumas das principais indústrias da Índia. Nas últimas décadas, a Índia passou de uma economia do setor primário para uma economia orientada a serviços.

A agricultura ainda é o maior empregador

Apesar do crescimento do setor de serviços, a economia indiana ainda está estruturada em torno da agricultura. No entanto, a contribuição deste setor para a economia indiana diminuiu ao longo dos anos. A dependência da agricultura pode ser uma bênção e uma maldição. Existem muitas oportunidades de emprego na agricultura. Mas a economia é vulnerável a choques no setor agrícola.

Expansão do setor produtivo

O setor manufatureiro é outro importante contribuinte para a economia indiana. O país é conhecido por têxteis, produtos químicos, farmacêuticos e produtos de engenharia. A Índia também é um dos principais exportadores de gemas e joias. O país tem visto um aumento do investimento estrangeiro nos últimos anos, particularmente em joint ventures e alianças estratégicas neste setor. Atualmente, os produtos farmacêuticos e petroquímicos são algumas das principais indústrias da Índia. 

Pressão populacional, baixa renda per capita e desigualdade

A Índia é o segundo país mais populoso do mundo. Atualmente, há quase 1,4 bilhão de pessoas no país. A economia indiana tem sido historicamente caracterizada por sua baixa renda per capita. Em algumas partes do país, a renda per capita é tão baixa quanto $ 300. Além disso, o rápido crescimento da economia indiana não foi inclusivo. Não levou a reduções suficientes da pobreza e do desemprego.

Crescimento da classe média

Outra característica significativa da economia indiana foi a ascensão da classe média nos últimos 70 anos. À medida que a renda cresce, mais pessoas podem comprar automóveis, eletrodomésticos e viagens. Espera-se que essa classe média crescente estimule o crescimento econômico do país.

Ascensão no empreendedorismo

A Índia também viu um aumento no empreendedorismo nos últimos anos. Várias medidas de reforma adotadas pelo governo tornaram mais fácil para as pessoas iniciarem negócios. Deve-se também ao facto de os jovens preferirem criar os seus próprios negócios em vez de trabalharem por conta de outrem.

Futuro da economia indiana

Desde sua independência em 1947, a economia indiana tem sido caracterizada por uma mistura de sucessos e fracassos. O país abriga algumas das indústrias que mais crescem no mundo. Tem uma classe média considerável com poder de compra significativo.

No entanto, mesmo em 2022, a atual situação econômica na Índia é afetada por altos níveis de pobreza e desemprego, deficiências agudas de infraestrutura e uma grande economia informal. A economia indiana está, portanto, em um momento crítico. Ela precisa encontrar maneiras de sustentar sua alta taxa de crescimento enquanto enfrenta esses desafios.

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
5 min
Como o metaverso pode mudar o trabalho
6 min
Como iniciar um negócio?
6 min
10 principais tendências globais de consumo para 2022
2 min
Empresários de Hong Kong fazem uma descoberta na agricultura ao estabelecer uma fazenda vertical
4 min
Como gerir uma empresa familiar: 7 regras de ouro
5 min
Os 12 produtos mais vendidos do mundo