Como começar a fazer trade por conta própria

Quando você é novo em trade, pode parecer complicado e exaustivo no início. Além disso, o mercado é afetado por tantos fatores diferentes que pode ser difícil se sentir confiante de que sabe o que está fazendo.

Por exemplo, você sabia que até o clima pode afetar as negociações? Eventos climáticos extremos influenciam o mercado, mas também os padrões climáticos diários, como a temperatura. Esses fatores afetam o humor dos traders, o que, por sua vez, influencia como eles fazem trade. Em dias ensolarados, quando estão de bom humor, os traders podem estar mais propensos a comprar ações. Da mesma forma, quando o tempo está ruim, os traders podem se sentir menos otimistas e mais inclinados a vender ativos.

Como decidir quando vender uma ação?

Mas a verdade é que, com estudo e prática, fazer trade é bastante simples. É exatamente isso que este artigo pretende mostrar. Portanto, se você estiver interessado em fazer trade por conta própria, continue lendo para saber mais!

1. Aprenda os fundamentos 

O primeiro passo para fazer trading por conta própria é dominar o básico. Você já deve conhecer os fundamentos de trading: que envolve a compra e venda de ativos para tentar se beneficiar das flutuações dos preços. Mas o que mais você precisa saber para começar?

Por um lado, você deve se familiarizar com os mercados financeiros – o que são e como funcionam. Simplificando, um mercado financeiro é um mercado onde as pessoas negociam títulos, como:

  • Ações 
  • Títulos 
  • Moedas
  • Criptomoedas 
  • Commodities (matérias-primas, metais preciosos, etc.)

Assim como em qualquer outro mercado, os mercados financeiros funcionam com base em um princípio de demanda e oferta. A demanda é criada por investidores que desejam comprar um ativo. A oferta é criada por vendedores que oferecem um ativo. Geralmente, quanto maior a demanda por um ativo, mais o custo aumentará. Quando a oferta aumenta, o preço cai.

2. Encontre uma corretora confiável

O próximo passo é encontrar um corretor. Mesmo que você queira operar por conta própria, precisará de uma corretora, caso contrário não poderá entrar no mercado financeiro. Ao procurar por uma corretora, existem alguns fatores-chave que você deve considerar:

Como as tendências do mercado global afetam nossas estratégias de gestão financeira pessoal. E o que devemos fazer?
  • Serviço completo vs. Corretoras econômicas: As corretoras com serviço completo fornecem serviços de consultoria, que podem ser especialmente úteis para investidores que são novos em trading. Por outro lado, as corretoras com desconto costumam ser mais baratas, mas não oferecem consultoria. No entanto, eles podem fornecer artigos educacionais. 
  • Estilo de Investimento: O tipo de corretora que você escolhe também depende de qual estilo de investimento você tende. Você prefere um estilo de trading mais ativo ou um estilo de compra e retenção mais lento? 
  • Taxas e Custos: Certifique-se de entender as taxas envolvidas na contratação de uma corretora. Você deve estar preparado para pagar um saldo mínimo, comissões e talvez até taxas de saque. 
  • Licenciamento: Por fim, certifique-se sempre de verificar se sua corretora está totalmente licenciada por quaisquer entidades legais e autoridades reguladoras em seu país. 

Ao procurar uma corretora, sempre vale a pena conferir o que seus clientes têm a dizer sobre eles. Procure avaliações on-line para ver se a corretora é confiável e fidedigna antes de se inscrever.

3. Aprenda análise técnica e fundamentalista

A análise técnica e a fundamentalista são duas formas diferentes de abordar o mercado financeiro. Ambos são usados ​​para prever posições futuras. Você deve entender essas duas abordagens para poder prever preços futuros.

Então, quais são as diferenças entre análise técnica e fundamentalista?

Análise Técnica: Os traders usam a análise técnica para analisar tendências estatísticas, ou seja, mudanças no preço. Ao examinar essas tendências, os analistas tentam prever como o ativo irá se comportar no futuro. 

Análise Fundamentalista: Os traders que usam a análise fundamentalista observam os fatores econômicos que afetam o valor de um ativo. Eles tentam avaliar o valor inerente dos ativos avaliando as condições do setor, lançamentos de mercado e tendências financeiras recentes.

Ambas as abordagens têm seus méritos. A única maneira de descobrir qual funciona melhor para você é pesquisar minuciosamente e praticar os dois métodos.

10 sinais de que você será bem sucedido como trader
Muitos traders têm certos traços naturais que os tornam bem-sucedidos. Outros precisam se esforçar para desenvolvê-los. Descubra quais você tem!
Ler mais

4. Pratique com uma conta demo 

O que são gaps de negociação?

Agora que você já aprendeu o básico, é hora de praticar com uma conta demo. As contas demo são ambientes de trading simulados por computador onde você pode praticar o uso de uma plataforma de negociação. Essas contas permitem que você pratique trade sem realmente colocar capital real em jogo. Use esta oportunidade para aprender e praticar algumas estratégias diferentes.

Três estratégias de negociação populares que você pode tentar são: 

  • Day trading: Com este estilo popular de trade, você compra e vende ativos no mesmo dia. Você mantém nenhuma posição durante a noite. Este é um estilo de trading relativamente rápido. 
  • Swing trading: Os swing traders estão muito sintonizados com a análise técnica e fundamental. Eles usam essas abordagens para entrar quando uma tendência termina para aproveitar ao máximo a volatilidade dos preços. 
  • Scalping: Scalping é o método mais rápido de trading que existe. Em vez de tentar obter grandes ganhos, os scalpers fazem muitas pequenas transações, capitalizando pequenos movimentos dentro do mercado.

5. Iniciar 

Depois de fazer sua pesquisa e praticar a negociação usando uma conta demo, você finalmente está pronto para começar.

Um conselho importante é começar pequeno. Você não quer arriscar muito capital, especialmente neste estágio inicial. Deposite alguns fundos em sua conta e, a partir daí, concentre-se em fazer pequenas negociações. Aprimore suas habilidades analíticas e estratégia de trading antes de passar a negociar mais.

Certifique-se de manter a cabeça fria ao fazer trade e não se deixe levar pela alta emoção das coisas. Você deve permanecer crítico e analítico!

Compartilhar
Copiar link
Link copiado
Go
Clique em Girar e deixe a roda escolher seu artigo do dia!
ARTIGOS RELACIONADOS
3 min
Como criar uma conta de negociação
4 min
O que você precisa saber ao abrir sua primeira conta de negociação
4 min
O que é patrimônio líquido?
6 min
Um guia para iniciantes em gestão de dinheiro em 2022
3 min
Como ganhar nas bolsas de valores
4 min
7 dicas fáceis para melhorar sua gestão de riscos

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir