Como investir em títulos?

Para a maioria das pessoas, investir fundos está associado a processos financeiros complexos. No entanto, não pense que apenas profissionais com muita experiência podem obter um bom lucro – é fácil aprender a investir seu próprio dinheiro de forma positiva. O principal é entender os movimentos e ações que ocorrem no mercado e determinar o que é melhor para investir fundos.

Uma das ferramentas de investimento mais convenientes são os títulos. Sem saber como os títulos funcionam, muitos iniciantes têm medo de perder fundos e rejeitam a própria ideia de usá-los. Na verdade, tudo é bastante simples – um bond é um título que um investidor compra, na verdade emprestando dinheiro ao seu emissor. Vamos dar uma olhada mais de perto nesta questão e descobrir o que é um título de investimento!

Como os títulos funcionam? 

A história dos títulos remonta a um passado distante, quando o primeiro título baseado em grãos apareceu na Mesopotâmia por volta de 2400 a.C. O protótipo de um título moderno era uma nota promissória, segundo a qual o devedor era obrigado a devolver os fundos no prazo, pagando também uma remuneração pelo uso dos fundos emprestados.

Quando você entra no mercado de ações pela primeira vez, é fácil se perder entre os inúmeros instrumentos de investimento e especulação. O que são títulos no mercado de ações? Isso pode ser explicado por um exemplo simples – ao comprar títulos, você empresta dinheiro ao estado ou a uma empresa por um determinado período de tempo. O emitente, seja uma empresa ou um Estado, compromete-se a devolver o dinheiro e a pagar juros – cupão de rendimento – durante todo o prazo do empréstimo. Geralmente são cobrados duas vezes por ano.

A receita do “cupom” é o mesmo lucro que um investidor espera ao comprar títulos. Um cupom pode ser permanente ou flutuante, variando de acordo com as condições previamente indicadas no prospecto de emissão.

Essa ferramenta é boa porque um investidor sabe quando a dívida será devolvida, bem como os termos exatos da emissão – quanto será ganho por todo o período até que a dívida seja paga. É por isso que os investimentos em títulos são chamados de investimentos de rendimento fixo e são considerados conservadores.

Recursos de títulos

Os títulos tem uma série de características típicas:

  1. Data, ou data de vencimento – mostra quando a empresa que emitiu os títulos pagará integralmente o valor emprestado do investidor. As datas de vencimento podem variar de um ano a 30 anos.
  2. Valor nominal — o valor que será devolvido ao investidor durante o reembolso do título. Pode ser parcelado à medida que se aproxima da data de vencimento.
  3. Cupom ou juros — o rendimento pago ao investidor. O cupom pode ser fixo ou flutuante. Normalmente, os juros são pagos de acordo com um determinado cronograma até a data de vencimento do título.

A receita total do investimento em títulos consiste em dois componentes: o valor dos juros pagos (receita de cupom) e a diferença entre o preço de compra e o preço de reembolso (receita de desconto).

O que é um título em finanças?

O significado de título em finanças é enorme, pois essa ferramenta desempenha um papel importante na vida do Estado e da sociedade. Eles permitem que o governo preencha o orçamento, atraia divisas e financie programas estaduais, regionais e setoriais direcionados. O papel dos títulos é difícil de superestimar. Desempenham várias funções essenciais:

  • formação da dívida estatal;
  • preenchimento do orçamento do Estado atraindo fundos gratuitos de pessoas físicas e jurídicas;
  • regulação da circulação monetária;
  • implementação da política monetária do estado;
  • contenção da inflação;
  • mobilização de fundos para a implementação de programas econômicos direcionados.

Ao escolher um título, é necessário prestar atenção à rentabilidade, liquidez e credibilidade do emissor. Uma estratégia popular de ganhos passivos é “Buy and Hold”, que envolve a compra de títulos de emissores altamente confiáveis ​​com rentabilidade máxima. Esses títulos incluem títulos blue-chip (empresas com tendência ascendente) e títulos de segunda linha caracterizados por liquidez moderada.

Formas de comprar títulos

Este título é considerado um excelente ativo para investimento relativamente estável. Se você decidir comprá-lo, uma solução competente seria comprar títulos por meio de uma corretora ou em uma bolsa de valores de títulos.

A compra e venda podem ser realizadas online — no aplicativo móvel da corretora ou por meio de um terminal instalado em um computador pessoal (homebroker).

O título pode ser vendido antes da data de vencimento (neste caso, você poderá receber seus fundos e a outra pessoa continuará recebendo cupons). Os títulos das pessoas geralmente são distribuídos entre investidores privados – bancos agentes.

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
5 min
Leis de mercado: lucros e riscos
4 min
Quais fatores afetam os preços das ações no mercado de ações?
4 min
Você deveria investir em ETFs?
4 min
Melhores estratégias de investimento em ETF para diversificar seu portfolio
3 min
Como funciona o mercado de ações?
3 min
A principal diferença entre os mercados primário e secundário