Como investor em arte?

Quem está interessado em investir sabe que, além de ativos tradicionais como ações e títulos, pessoas de sucesso investem em ativos de arte ou troféus, como às vezes são chamados. Eles diferem dos ativos comuns porque seu valor não pode ser determinado da forma tradicional, calculando o rendimento esperado.

Segundo a Deloitte, investidores bem-sucedidos detêm cerca de 5% de seu capital em arte. Geralmente, o investimento em arte é uma maneira de diversificar seu portfólio e aumentar seus fundos. Por exemplo, pinturas individuais podem aumentar de preço de 2 a 3 vezes em apenas um ano. 

Quão popular é investir em arte 

A Deloitte, como mencionado acima, pesquisa investimentos em arte entre UHNWIs (Ultra-high Net Worth Individuals — indivíduos com patrimônio líquido de mais de US$ 30 milhões) há anos. Em 2021, os dados revelaram os seguintes fatos:

O que é hiperinflação?
  • 6% dessas pessoas investem em arte;
  • 30% de tais pessoas só colecionam;
  • 64% dessas pessoas colecionam arte por valor de investimento.

Então, por que investir em arte é tão requisitado? O fato é que a lucratividade de uma obra-prima pode exceder várias vezes seu custo original — por exemplo, a pintura de Claude Monet “O Arco Rosa em Giverny” em 1962 custou US$ 65.000 e agora é estimada em quase US$ 18 milhões. Mas este é apenas o exemplo mais marcante. A arte moderna pode não aumentar tanto de valor, mas também pode ser um grande investimento.

Formatos de investimento em arte

Se você está considerando a arte como um investimento, lembre-se que existem 3 formatos diferentes:

Feiras de arte são realizadas em quase todas as grandes cidades. Ao comparecer a um evento como esse, você poderá ver o que os artistas têm a oferecer e conversar diretamente com eles. Este é um método ideal para quem deseja iniciar sua jornada no campo do investimento em arte.

Leilões — em geral, são os mesmos das feiras, mas para investidores mais experientes. Grandes casas como Sotheby’s e Christie’s têm galerias online onde você pode comprar obras livremente, mas esteja pronto para gastar muito se estiver interessado em investir em arte.

O que bolsa de valores significa

Fundos de equity art — aqui você não precisa comprar a pintura ou a escultura inteira, você pode comprar uma parte da obra e obter um lucro igual a essa parte na venda posterior. Outra vantagem: o fundo possui expertise em sua área (portanto, não é necessário perder tempo avaliando as perspectivas de crescimento do valor da obra). A principal desvantagem de investir nesses fundos é que, tendo comprado apenas uma ação, você não poderá colocar uma pintura ou outra obra de arte em casa.

No entanto, você deve entender que as ações do mercado de arte são uma esfera bastante complicada. Se você não melhorar suas habilidades e abordar esse campo com total seriedade, corre o risco de simplesmente não viver até o momento em que o preço da obra de arte adquirida dispare.

7 mitos na negociação que você provavelmente acha que são verdadeiros
É hora de quebrar mitos sobre o trading! Alguns deles estão tão próximos da verdade que você nunca imaginaria que são apenas equívocos populares.
Ler mais

As dicas mais importantes para investimentos em arte inteligentes

Se você decidir descobrir como investir em arte, lembre-se de algumas nuances importantes. Por exemplo:

Go
Clique em Girar e deixe a roda escolher seu artigo do dia!

Preservação da condição física. É importante guardar as peças de arte em um estojo especial, manter a umidade e a temperatura do depósito, minimizar as vibrações de baixa frequência dos suportes ou paredes nas quais o quadro está pendurado.

Considere comprar um seguro para uma obra de arte para minimizar o risco de roubo ou danos.

Recomenda-se ter um conjunto de 10 a 20 obras de arte de diferentes artistas, pois há sempre o risco de que algumas obras nunca obtenham a fama e o reconhecimento que merecem.

É possível vender obras de arte e outros ativos de troféus para obter uma renda significativa – mas não antes de cinco a dez anos após a compra.

O que é renda passiva?

Ao escolher a arte como investimento, não deixe de prestar atenção ao estilo de trabalho. Segundo as estatísticas, nos últimos dez anos, as obras do estilo de arte contemporânea subiram de preço de forma mais significativa.

A propósito, enquanto estamos no assunto de estilo, os especialistas aconselham não apenas confiar nas estatísticas, mas também pesquisar as tendências da moda para não perder o nicho que claramente obterá reconhecimento e um aumento de valor.

Considerações finais

Vamos recapitular! De fato, ao investir em arte, você está comprando uma obra ou parte dela para vendê-la com lucro no futuro e obter uma renda adicional com ela. E se você vai encontrar uma obra de arte de investimento, o melhor é procurar opções em feiras de arte, onde você pode encontrar os preços mais atraentes para iniciantes.

Compartilhar
Copiar link
Link copiado
ARTIGOS RELACIONADOS
6 min
O que é o índice de medo e ganância?
4 min
Os fundamentos de ações e como eles funcionam
4 min
A teoria da Onda de Elliot do fluxo de moeda: o que todo trader deve saber
4 min
Investimento temático versus derivativo - uma análise detalhada 2022
4 min
O que é Dow Jones?
6 min
Como funciona o dinheiro no mundo moderno

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir