Como decider quais ações compra?

Com a crescente popularidade de muitos instrumentos de investimento, cada vez mais pessoas de todo o mundo querem colocar dinheiro em algo valioso. Hoje, investir em ações é competir com sucesso com depósitos bancários, investimentos imobiliários e outros ativos, mesmo entre pessoas comuns. Existem certos riscos envolvidos, como bolhas no mercado de ações – a primeira foi registrada em 1720, e é conhecida como a Bolha do Mar do Sul. Vamos descobrir como ganhar renda adicional em ações!

O que são ações?

Uma ação é um título que confirma seu direito de possuir uma parte de um negócio. Ele registra o fato de que você possui uma parte da empresa e que você tem os direitos de acionista. Existem várias maneiras de ganhar dinheiro com ações: compre ações e espere seu crescimento ou obtenha lucro baixando o preço das ações. Nos países desenvolvidos, investir é muito popular: segundo as estatísticas, 8 em cada 10 pessoas colocam parte de seu dinheiro no mercado de ações.

A propriedade de ações lhe confere o direito a uma parte do lucro na forma de dividendos: quanto mais dinheiro a empresa ganhar, mais o acionista receberá. E vice-versa — em caso de falência, o dono da ação perderá todo o valor investido. Simplificando, uma ação é um documento que confirma que um acionista possui uma parte da empresa.

Tipos de ações

Antes de começar a investir, você precisa escolher o tipo de ações que deseja comprar. Eles vêm em duas variedades e diferem nos direitos dos acionistas:

  1. Comum. As ações ordinárias darão a você o direito de voto em uma assembleia de acionistas da empresa. O esquema é simples: um título – um voto. Este tipo de ação é a mais comum. Se você possui ações ordinárias, poderá receber dividendos. Eles geralmente vêm em menor quantidade do que com o segundo tipo, mas são mais lucrativos a longo prazo.
  2. Ações preferenciais. O valor dos dividendos dessas ações é determinado antecipadamente, e seus proprietários não têm a oportunidade de participar da votação, exceto em um pequeno número de situações: por exemplo, reorganização ou liquidação da empresa. Além disso, os titulares de ações preferenciais têm uma vantagem em caso de falência de uma empresa: eles receberão os pagamentos dos ativos da empresa antes de qualquer outra pessoa.

A escolha pelas ações preferenciais deve ser feita se o seu objetivo principal for gerar renda. E ações ordinárias são adequadas se você deseja desempenhar um papel importante na empresa e influenciar suas operações.

Existem riscos para os proprietários das ações?

Embora as ações sejam uma ferramenta de investimento atraente e relativamente lucrativa, elas ainda trazem alguns riscos para os proprietários:

  • o preço das ações pode cair — se você precisar vender suas ações, sofrerá perdas;
  • a empresa que você possui pode falir – após a liquidação, você receberá apenas os fundos que sobrarem após a distribuição do dinheiro para os salários dos funcionários e o pagamento de dívidas, ou seja, a empreiteiros ou fornecedores;
  • se você comprar ações de empresas estrangeiras, estará automaticamente exposto ao risco cambial — poderá incorrer em perdas durante a conversão;
  • a administração da empresa pode suspender o pagamento de dividendos — se você contava com eles, não estaria na melhor situação.

Para ficar sempre no verde, você precisa saber como analisar o mercado de ações.

Analisando do mercado de ações

Um investidor responsável sempre realiza um estudo completo das ações e do mercado antes de comprar!

Ao avaliar a atratividade de investimento de um emissor, é melhor contar com uma abordagem integrada que inclua os seguintes métodos:

  1. Análise Macro. A ciclicidade da empresa em relação ao ciclo de negócios.
  2. Análise fundamentalista. Os principais indicadores de negócios, eficiência e saúde financeira. 
  3. Análise interna aprofundada da empresa e seus relatórios. 

Inicialmente, basta determinar a natureza das atividades de uma empresa, ou seja, a qual setor econômico e setor ela pertence. Isso permite ter uma ideia da natureza cíclica do negócio, sua eficácia tecnológica, sensibilidade à inflação e mudanças nas taxas de juros. Isso permite que você avalie as perspectivas estratégicas e a solvência financeira.

Conclusão 

Uma pessoa que começa a investir se encontra em uma encruzilhada, pois precisa escolher as ações certas entre uma variedade de opções. Há um grande número de títulos e cada um parece estar “gritando” para ser escolhido.Esperamos que este artigo tenha ajudado você a entender como escolher ações para comprar. Lembre-se que para uma escolha competente é importante confiar nos resultados da investigação que você conduz, seus objetivos futuros no mercado!

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
5 min
Como iniciar trading
4 min
Como decidir quando vender uma ação?
4 min
Como aprender sobre investimentos no mercado de ações
4 min
Como entrar no mercado de ações
6 min
7 verdades financeiras que vale a pena aprender desde jovem
4 min
Como funciona o mercado de ações: o que você precisa saber