Melhores estratégias de investimento em ETF para diversificar seu portfolio

Em 30 de junho de 2021, havia 2.567 ETFs no mercado, com quase US$ 6,58 trilhões em ativos sob gestão.

Após seu lançamento maciço no início dos anos 2000, os fundos negociados em bolsa (ETFs) tiveram um crescimento notável, e sua quantidade e popularidade continuam a aumentar. O nascimento do veículo de investimento beneficiou os investidores porque abriu novas alternativas de baixo custo para quase todas as classes de ativos do mercado.

A diversificação do portfólio está alocando os investimentos da carteira em muitas classes de ativos para que um declínio acentuado em qualquer classe de ativos não tenha uma influência significativa nos retornos da carteira.

No investimento, a diversificação é o único “almoço grátis”. Veja como usar ETFs para implementar essa máxima corretamente.

O que é ETF e como investir

Os ETFs são semelhantes aos fundos mútuos, pois são cestas de ativos individuais, mas há duas diferenças principais. Primeiro, ao contrário dos fundos mútuos, os ETFs podem ser negociados livremente como ações, enquanto as negociações dos gestores de fundos devem esperar até que o mercado termine. Em segundo lugar, como muitos ETFs são veículos de fundos passivos vinculados a um índice ou setor de mercado subjacente, os índices de despesas são geralmente mais baixos do que os fundos mútuos.

Os ETFs são uma alternativa de baixo custo para investir em uma ampla gama de ações, títulos e outros ativos. Eles fornecem diversificação e gerenciamento qualificado de dinheiro.

Você pode obter o melhor retorno para a quantidade de risco que está disposto a assumir diversificando seu portfólio em tipos de ativos, como ações, títulos e imóveis. Ações domésticas, ações estrangeiras e títulos podem ser incluídos em um mix básico. Os títulos comporão uma parcela maior das carteiras de investidores conservadores. Mais ações serão detidas por investidores agressivos, com uma proporção maior de ações internacionais.

A seguir estão algumas das melhores estratégias de investimento em ETFs para construir um portfólio diversificado. Se você está apenas começando, um ETF de vários ativos pode ser um excelente lugar para começar.

ETFs de múltiplos ativos

Um ETF multiativo é um fundo que possui vários ativos, como títulos, ações, imóveis e dinheiro. Os gestores de fundos tomam as decisões de investimento.

Ações de pequena capitalização e de mercados emergentes podem ser incluídas em um ETF agressivo de vários ativos com uma meta de valorização do capital. Títulos com grau de investimento e ações blue-chip podem ser incluídos em um ETF conservador de vários ativos para obter renda.

Índice básico de ETFs 

Usando ETFs indexados, investidores mais experientes podem construir seus portfólios. Esses ETFs investem em índices financeiros como o Bloomberg U.S. Aggregate Bond Index ou o S&P 500 para igualar seu desempenho.

ETFs setoriais

Para combinar seus investimentos com os estágios do ciclo de negócios, você pode usar ETFs setoriais e industriais. Durante as recessões, os serviços públicos e os produtos básicos de consumo têm bom desempenho, mas durante as expansões, o setor de consumo discricionário se sai bem.

Um índice é usado para rastrear cada setor da economia, bem como algumas indústrias dentro desses setores. Do e-commerce à energia, existem ETFs para todas as áreas e indústrias.

ETFs internacionais

A qualquer momento, situações econômicas e políticas podem favorecer uma região do mundo em detrimento de outra. Os ETFs internacionais podem ser usados ​​para lucrar com as perspectivas de crescimento em muitos países e áreas. O maior fundo negociado em bolsa internacional (ETF) acompanha o índice FTSE de muitos países nos quais você pode escolher para investir.

ETFs de Gestão de risco 

Você pode usar ETFs para se proteger de mercados em queda. Quando um índice está em baixa, os ETFs inversos mostram lucros. Quando está subindo, eles mostram perdas. Os ETFs inversos são comumente usados ​​para rastrear o S&P 500. Nesta categoria, os ETFs longos/curtos compram e vendem ações subjacentes com base em considerações sobre o preço das ações.

ETFs socialmente responsáveis

As empresas são avaliadas por apoiarem questões ambientais, sociais e de governança (ESG) em investimentos socialmente responsáveis. A MSCI classifica 14.000 empresas em responsabilidade social e publica índices de responsabilidade social. Você pode verificar diferentes ETFs socialmente responsáveis.

Conclusão

Novos investidores podem usar ETFs para se beneficiar da gestão profissional do dinheiro. Investidores experientes podem usá-los para lucrar com certas oportunidades, dependendo das condições do mercado. Os ETFs também podem ser usados ​​para implementar esquemas de alavancagem e vendas a descoberto altamente complexos. Eles são claros, líquidos e econômicos. Eles podem ser usados ​​como base para qualquer plano de investimento e para capitalizar as possibilidades em qualquer mercado, local ou setor.

Antes de investir, faça sua lição de casa. Determine quanto risco você está disposto a correr. Se você é novo em investimentos, considere procurar aconselhamento de um consultor financeiro competente. Eles não apenas ajudam você a saber em qual ETF investir agora, mas também o ajudam a tomar melhores decisões financeiras.

Compartilhar
Copiar link
Link copied
ARTIGOS RELACIONADOS
4 min
O que são futuros: um guia do investidor
4 min
O que bolsa de valores significa
4 min
Você deveria investir em ETFs?
5 min
Trading é uma fraude?
4 min
Quais fatores afetam os preços das ações no mercado de ações?
4 min
Dinheiro e finanças: qual é a diferença?