7 dicas de como parar de gastar dinheiro com promoções

Todo mundo conhece a situação quando você começa o mês com total confiança de que economizará dinheiro para alguma compra útil. No entanto, você vê algumas promoções muito atraentes na loja e, no final do mês, fica preocupado com a falta de economias — de novo e de novo. Como lidar com o desejo impulsivo de gastar grandes somas em produtos com desconto? Vamos dar uma olhada em sete dicas eficazes.

Quais são os principais gatilhos para você?

7 dicas de como parar de gastar dinheiro com promoções

A primeira e mais importante recomendação é descobrir o gatilho para compras impulsivas de produtos em promoção. Os emocionais e psicológicos mais comuns incluem:

  • hora do dia (é melhor ir à loja quando você tem mais energia e menos estresse);
  • ambiente (se você sabe que costuma gastar dinheiro em feiras de artesanato ou shoppings da Black Friday, evite esses lugares ou visite-os sem dinheiro);
  • humor (tendemos a comprar coisas quando estamos de mau humor para “ter pena” de nós mesmos — esqueça a terapia de compras e encontre outros métodos de trabalho para se animar).

Curiosidade: os psicólogos chamam a influência de pessoas próximas que têm maus hábitos financeiros o gatilho mais perigoso. Desenvolva uma estratégia para lidar com a pressão deles ofereça planos alternativos para passar o tempo onde você não precisa gastar dinheiro. 

Acompanhe seus gastos regulares

Depois que o gatilho for identificado, considere rastrear as despesas. O fato é que pequenas compras com descontos posteriormente ocupam a maior parte do orçamento desperdiçado . Como regra, esses “buracos negros” para o seu dinheiro são café com leite diário em um café de trabalho, jantares fora, doações para seus jogos para celular favoritos e assim por diante. Acompanhe para onde seu dinheiro vai com mais frequência para obter gastos mais inteligentes. Para esses fins, você pode baixar rastreadores financeiros especiais.

Prefira dinheiro para uma imagem mais clara

7 dicas de como parar de gastar dinheiro com promoções

Obviamente, pagar com cartão é muito mais conveniente do que tirar a carteira, encontrar as notas necessárias e perder tempo contando-as. No entanto, essa conveniência é a principal razão pela qual você costuma gastar demais. Mas o dinheiro permite que você veja e sinta fisicamente quanto dinheiro você tem à sua disposição, quanto gastará e quanto restará no final do mês. Tente usar dinheiro com mais frequência do que um cartão de crédito para ver se a conveniência do banco digital é uma armadilha perigosa para seus gastos excessivos.

5 melhores livros sobre investimentos de todos os tempos
Reunimos os 5 melhores livros sobre investimentos de todos os tempos – apenas clássicos imortais.
Ler mais

Esqueça os cartões de crédito

Mais algumas palavras sobre cartões de crédito. Eles são mais perigosos do que você pensa, porque:

  • há sempre a tentação de gastar dinheiro do limite de crédito, o que não só anula todas as poupanças como também provoca o risco de se endividar;
  • ao fazer compras on-line, os navegadores armazenam suas informações de pagamento, tornando as compras futuras mais fáceis e mais propensas a serem vítimas de compras por impulso com desconto.

Portanto, guarde seu cartão de crédito e leve apenas dinheiro para as lojas no valor que você planejou.

Defina algumas metas financeiras

É difícil resistir a gastar em itens de liquidação se você não sabe para o que economizar dinheiro. Portanto, certifique-se de pensar em estabelecer metas financeiras alcançáveis ​​de curto prazo e longo prazo. Isso irá mantê-lo motivado para trabalhar em seus hábitos de gerenciamento de dinheiro.

Observe que as metas devem ser específicas. Por exemplo, “economize US$ 1.000 até 31 de dezembro de 2022” em vez de “saiba como economizar até o final do ano” ou “economize comendo fora”. Quanto mais precisamente o objetivo for definido, mais claro será o que você precisa buscar.

Explore mais informações sobre planejamento financeiro

7 dicas de como parar de gastar dinheiro com promoções

A alfabetização financeira é uma habilidade útil, mas precisa de trabalho constante. Portanto, reserve um tempo para ler tutoriais ou vídeos sobre como fazer um orçamento adequado e gerenciá-lo sem prejudicar suas economias. Materiais básicos sobre este tópico certamente lhe dirão como lidar com o desejo impulsivo de comprar produtos com desconto.

Faça o dinheiro trabalhar para você

E a última dica: faça o dinheiro funcionar e distribua-o com clareza com antecedência. Por exemplo, se você tem R$ 600 sobrando no seu salário, não deve considerar isso como “uau, eu tenho muito dinheiro, vou desembolsar R$ 100 para um jantar em um restaurante e gastar mais R$ 200 em roupas”. É melhor distribuir esse dinheiro planejando qual porcentagem será gasta em contas de serviços públicos, aluguel, despesas básicas, investimentos e assim por diante.

Compartilhar
Copiar link
Link copiado

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir