5 simples formas de aprender sobre finanças pessoais

Finanças pessoais e gestão de capital são indústrias massivas. No entanto, essas também são as primeiras indústrias a serem afetadas por crises econômicas. Por exemplo, entre agosto de 2007 e 12 de fevereiro de 2009, as demissões anunciadas atingiram um recorde de 325.000. Faz você pensar – talvez seja melhor confiar em si mesmo do que em um conselheiro.

Mas e se você não sentir que tem o conhecimento e a confiança para gerenciar, economizar e investir efetivamente seus fundos? Então continue lendo para encontrar as melhores maneiras de aprender sobre finanças!

1. Explore diferentes métodos de aprendizagem 

Como reduzir razoavelmente sua despesa com supermercado?

Existem várias maneiras de se ser um autodidata e aprender sozinho sobre finanças, mas o método escolhido deve ser o mais adequado para você.

Se você gravitar em direção aos estilos básicos de aprendizado — visual, auditivo ou cinestésico — você pode começar a restringir suas opções a partir daí. No entanto, pesquisas mostram que é mais provável que você se lembre de novas informações quando envolve vários sentidos ao mesmo tempo.

Descubra o seu próprio equilíbrio perfeito de estilos de aprendizagem – o quanto você quer ouvir, que porção de informação deve ser apresentada visualmente e se você quer se envolver em exercícios interativos.

Certifique-se de que seu método de aprendizado também se encaixa em sua programação. Não deve interferir em outros aspectos da vida, especialmente em suas obrigações. Caso contrário, é mais provável que você desista.

2. Leia livros e blogs de finanças pessoais 

Você não precisa se limitar a leituras clichês como Pai Rico, Pai Pobre; muito material sai a cada ano. Há muitas seleções online, então navegue em suas publicações e revistas favoritas para encontrar listas atualizadas. Por enquanto, aqui estão alguns livros que vale a pena conferir:

Como acompanhar as despesas: 5 melhores ferramentas
  • The Financial Diet: Um guia completo para iniciantes para se dar bem com o dinheiro por Chelsea Fagan e Lauren Ver Hage
  • Get Good With Money: Dez simples passos para se tornar financeiramente completo por Tiffany Aliche
  • Retire Before Mom and Dad por Rob Berger
  • Seu Dinheiro ou Sua Vida: 9 passos para transformar seu relacionamento com o dinheiro e alcançar a independência financeira por Vicki Robin

Em uma nota semelhante, os blogs de finanças pessoais também podem expandir seu conhecimento e pontos de vista. Claro, nem todos os blogs são completamente precisos ou oferecem conselhos perfeitos para você.

3. Assine notícias financeiras

Você pode aprender muito com notícias financeiras gratuitas em sua caixa de entrada. Não importa seu nível de alfabetização financeira ou objetivos, os boletins informativos serão um ótimo complemento para sua rotina diária. Eles ajudarão você a se manter informado sobre o que está acontecendo em diferentes setores sem um grande compromisso de tempo. E muitas vezes há alguns conselhos espalhados por lá também.

Go
Clique em Girar e deixe a roda escolher seu artigo do dia!

Aqui estão algumas fontes confiáveis: 

  • “Morning Brew” (notícias financeiras e de negócios, diariamente) 
  • “The Hustle” (notícias de negócios e tecnologia, dias da semana)
  • “Jill on Money” (tendências de negócios e financeiras, e finanças pessoais, dias da semana)
  • “Your Money” pela The New York Times (finanças pessoais, semanal)
  • “The Myth of Money” (criptografia e tecnologia, semanalmente)
Quanto você pode ganhar como day trader?
É melhor você saber o potencial de retorno — não para sonhar com uma renda gigantesca, mas para saber quanto investir por negociação.
Ler mais

4. Ouça podcasts de finanças 

9 hábitos que nunca o(a) tornarão financeiramente estável

Se você deseja aprender sobre finanças enquanto faz tarefas domésticas, faz recados ou passeia com o cachorro, os podcasts são a melhor escolha. Dito isso, você pode adotar uma abordagem mais prática – ouça podcasts e faça anotações para memorizar com mais eficiência.

Confira esses programas ou navegue na guia “Finanças” em sua plataforma de podcast preferida:

  • “Bloomberg Surveillance” apresentado por Tom Keene, Jon Ferro, e Pimm Fox
  • “So Money” apresentado por Farnoosh Torabi
  • “CNBC Fast Money Podcast” apresentado por  Melissa Lee e uma mesa redonda com os melhores traders
  • O Show de Dave Ramsey 
  • “Money for the Rest of Us” apresentado por David Stein
  • “The Mad Fientist” apresentado por Ramit Sethi, Scott Young, e Morgan Housel

Esses programas não são apenas educativos, mas também divertidos, para que não pareçam um curso maçante.

5. Use ferramentas gratuitas de gestão financeira 

Os sistemas educacionais estão mudando para integrar teoria e prática e trazer o campo para a sala de aula. Então, por que não fazer o mesmo com as finanças? Software especializado e rastreadores podem ser sua forma de aprendizado baseado na prática. 

Confira estes:

Como ensinar seus filhos sobre finanças
  • Google Sheets – um aplicativo de planilha versátil para acompanhar seus gastos, investimentos e patrimônio líquido
  • Mint – um aplicativo de orçamento, com recursos como rastreador de pagamento de contas, transações bancárias categorizadas, alertas de orçamento, etc. 
  • Morningstar – um rastreador de portfólio, com dados que cobrem ações, fundos mútuos, ETFs, e CEFs
  • Personal Capital – software para acompanhamento de investimentos e planejamento para aposentadoria 

Você descobrirá que, dependendo de seus objetivos, encontrará alguns aplicativos mais úteis. Na verdade, isso descreve todos os métodos de aprendizado – quanto melhor você entender por que deseja aprender e onde deseja estar, mais valor poderá extrair.

Para se manter motivado ao longo de sua jornada de aprendizado, lembre-se de fazer pausas e ver até onde você chegou. Ver o progresso é um grande motivador por si só!

Compartilhar
Copiar link
Link copiado
ARTIGOS RELACIONADOS
4 min
6 dicas de como se livrar do vício em compras
7 min
14 Passos Para Economizar Dinheiro Rápido
5 min
5 maneiras de fortalecer sua saúde financeira
4 min
5 maneiras domésticas inteligentes de reduzir sua conta de energia
5 min
Como criar uma almofada para segurança financeira
4 min
Por que é importante criar um orçamento familiar?

Abrir esta página em outro app?

Cancelar Abrir